Dia do Ayurveda – Dia do Senhor Dhanvantaree

No dia 13 de Novembro de 2020, é celebrado internacionalmente “O Dia Mundial do Ayurveda”. Este dia acontece graças ao Governo da Índia, que reconhece Ciência Antigas Indianas como Yoga e Ayurveda. Neste contexto, é também obrigatório um especial reconhecimento ao Excelentíssimo Sr. Primeiro Ministro da Índia, Sr. Narendra Modi pois foi sob a sua liderança que o “Dia Mundial do Yoga” e o “Dia Mundial do Ayurveda” foram iniciadas.

As razões que estão por trás da celebração do “Dia Mundial do Ayurveda” num dia específico do calendário indiano, é que esse dia particular (o 13º dia da segunda metade do mês indiano Ashvin) marca o aniversário do Senhor Dhanvantaree. Este dia particular faz parte do festival mais celebrado na Índia, o ‘Deepaavali’ ou DIWALI, como é popularmente conhecido. No entanto, este dia tem a sua própria importância na história sócio-cultural da Índia antiga.

Quem é o Senhor Dhanvantaree?

Então, quem é o ‘Senhor Dhanvantaree’? É Dhanvantaree apenas uma personagem da mitologia, na perspetiva indiana? Ou teria ele sido uma identidade real e viva na longa e conhecida história da Índia Antiga? Éra Dhanvantaree um DEUS? Ou era um Ser humano normal? Quais são os entendimentos Mitológicos, Religiosos e Históricos sobre o ‘Senhor Dhanvantaree’ ?

Vamos começar pela Perspetiva da Mitologia.

Uma das crenças amplamente aceite e enraizada na mentalidade Indiana é sobre a Grande Guerra entre os DEUSES e os DEMÓNIOS (Sura e Asura, respetivamente).

Acredita-se que os Deuses e Demónios estavam a lutar por Coisas Preciosas (Ratna em Sânscrito). Estas estavam escondidas no mar (por isso que o mar é denominado de “ratnaakara”, significando um reservatório de Ratna – Coisas Precioasas). Durante o processo de agitação do mar (popularmente conhecido como  Samudra-manthana), catorze coisas preciosas emergiram uma após a outra a partir do mar.

A primeira acredita-se ter sido a Laxmee (Deusa popular indiana) e o quinto nessa lista foi o Dhanvantaree. É assim que a mitologia indica o Nascimento do Dhanvantaree da Grande Agitação do mar centenas de anos atrás.

Perspetiva da Religião e das crenças populares

As crenças religiosas da Índia Antiga, as crenças hindu, dizem que do Famoso Trio de Deuses Hindu (Brahmaa, Vishnu & Mahesha), o Senhor VISHNU tinha muitos Avataaras (encarnações). De acordo com algumas crenças, Dhanvantaree é um destes Avataaras do Senhor VISHNU. Por esta razão, Dhanvantaree é também referido como ‘SENHOR Dhanvantaree’ e adorado pelos Indianos.

O ‘SENHOR Dhanvantaree’ é retratado como tendo quatro mãos e a mesma crença é encontrada em todas as estátuas, imagens, histórias e poemas sobre esta personagem mitológica. De acordo com essa crença popular, o  ‘SENHOR Dhanvantaree’ tem quatro mãos e olhos brilhantes.

Acredita-se também que carrega QUATRO coisas únicas nas mãos. Estas quatro coisas são – Shankha (Concha), Chakra (Roda), Jalaukaa (Sanguesuga) e Amruta-Kumbha (Vaso com Néctar). Estas coisas tem uma utilidade específica e por isso, a crença de carregar 4 coisas tem uma importância mais alargada.

  • Shankha (Concha) marca a propagação do Som Único, que, por sua vez, pode ser uma motivação decisiva para a Luta Justa e pode também restabelecer a PAZ. É importante salientar que Shankha (Concha) é também um bom remédio, de acordo com a Medicina Ayurveda.
  • Chakra (Roda) significa a arma do Senhor Krushna e de acordo com alguns estudiosos, também significa a aceitação da CIRURGIA no Ayurveda.
  • Jalaukaa (SangueSuga) significa o conceito de Sangramento no Ayurveda.
  • Amruta-Kumbha (Vaso com Nectar) significa o papel do Dhanvantaree em transmitir Boa Saúde à humanidade e ajudar os seres humanos a viverem por muito tempo.

Perspetiva Histórica

Por fim, apenas para fazer uma breve menção, o ‘Senhor Dhanvantaree’ é historicamente conhecido por ter sido um REI. De acordo com algumas escolas de pensamento do Ayurveda, ele era REGENTE na província de Kaashee (Banaras) no norte da Índia. Além de ter sido um REI, também foi um grande visionário do Ayurveda. Ele era especialmente conhecido pelas suas incríveis habilidades cirúrgicas.

 

Para resumir, o ‘Senhor Dhanvantaree’ é uma personagem famosa da Mitologia, Religião e História Indiana.

Deixando de lado os debates e dúvidas acerca de ele ter sido um Rei/Deus, Personagem real ou mitológica, pode ser respeitosamente relembrado que, hoje em dia, o ‘Senhor Dhanvantaree’ é um ícone das Habilidades Cirúrgicas, da Perícia Médica e também do Ayurveda, a Antiga Ciência Indiana da Vida.

Em nome de todas as pessoas Conscientes da Saúde no mundo inteiro, vamos pedir sinceramente ao “Senhor Dhanvantaree’ que assegure melhor saúde, longevidade e vida livre de doença para todos!!!

Particularmente, pelo prisma do COVID 19, vamos todos comprometer-nos a entender a saúde de uma forma abrangente, assim como tentar e comprometer-mo-nos em sermos mais saudáveis sem perturbar a Mãe Natureza.

NAMASTE

Dr. Mandar Bedekar

Professor, KAHER’s B.M. Kankanwadi Ayurveda College
Belagavi, Karnataka, Índia

 

Foto: https://en.wikipedia.org/wiki/Dhanvantari

Enviar uma resposta

O seu email não será publicado.